Uma nova Opção

O Evangelho – que deve ser o anseio íntimo mais elevado da criatura humana – apresenta uma proposta diferente aos que se interessam por seus ensinamentos.

Se o mundo conclama “revide a violência”, com Jesus somos convidados a oeferecer a outra face, como a nos fazer refletir que até agora temos reagido com brutalidade, quando deveríamos agir na paz.

O mundo conclama: “não seja tolo, busque seus direitos!” Mas Jesus nos convida a procurarmos primeiro o Reino dos Céus e o resto nos será acrescentado. Devemos, pois, refletir que, quando seguimos as perspectivas espirituais, as supostas perdas se transformam em grandes aprendizados no campo do desprendimento.

O mundo conclama: “seja feliz agora!” Mas Jesus traduz como felicidade para a humanidade as bem-aventuranças. Sob o enfoque dessa visão espiritual da vida, bem-aventurados são aqueles que buscam, na imortalidade da alma, os valores que se encontram adormecidos no próprio coração, e que, através do tempo a mão de Deus faz despertar para a autoiluminação a fim de brilharmos como grandes estrelas no firmamento da eternidade.

Por isso, quando o mundo nos chama a buscar os interesses materiais, temos também o convite do Mestre a repercutir até os dias de hoje: “Eu, porém, vos digo”.

Reflexão

Vá mais além em suas conclusões sobre tudo o que acontece em sua volta.

Trecho retirado do livro Regeneração – em harmonia com o Pai – Samuel Gomes – Espíritos diversos

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *